Passar para o Conteúdo Principal

siga-nos Facebook Alfândaga da Fé Youtube Flickr

Hoje
Hoje
Amanhã
Amanhã

Projeto NetEfficity | Abertas inscrições

Figura1 1 1024 2500
15 Fev '17


Estão a decorrer, até 28 de fevereiro, as inscrições para o projeto NetEfficity, que vai abranger, nesta fase piloto, 50 famílias de Alfândega da Fé. O regulamento de adesão já se encontra disponível e pode ser consultado aqui: regulamento. Todos os interessados em aderir a este projeto e que reúnam as condições explícitas no regulamento devem formalizar a sua inscrição preenchendo o formulário de candidatura no seguinte link: 

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSeTZ-ZpvFXUTs0iddD-jfA4vnUTpzW9yOplve2KFnDPxgG1CA/viewform

Recorde-se que o Netefficity é um projeto piloto que quer colocar os edifícios a partilhar energia entre si. Trata-se de um projeto progressista, com abordagens e técnicas inovadoras, que visa possibilitar a implementação de um sistema de gestão inteligente e descentralizado de recursos energéticos, adaptado para os consumidores das comunidades locais. O principal objetivo desta iniciativa passa por aumentar significativamente a eficiência da gestão dos recursos disponíveis, incluindo recursos de produção distribuída de energia elétrica e a flexibilidade das cargas, através de programas de gestão ativa da procura (demand response).


O Neteffficity vai abranger 4 edifícios municipais e 50 famílias. Nos edifícios municipais- Paços do Concelho, Biblioteca Municipal, Casa da Cultura Mestre José Rodrigues e Escola EB1- vão ser instalados sistemas de monitorização e produção de energia. As famílias aderentes ao projeto poderão beneficiar dos excedentes energéticos produzidos por estes edifícios. O objetivo é simples: possibilitar que a energia produzida nos edifícios municipais, através de fontes renováveis, seja partilhada com a comunidade nos períodos em que os edifícios não têm tantas necessidades energéticas. Quem aderir ao programa terá acesso a essa energia através de descontos na fatura de energia elétrica, proporcionais ao excedente da produção de energia renovável. Para além, disso o projeto prevê a instalação de sistemas de monitorização energética e de controlo remoto de equipamentos elétricos nas casas.Estes dispositivos vão ser geridos por uma plataforma que informa os utilizadores, em tempo real, sobre os seus perfis de consumo. Tal vai permitir adaptar comportamentos e uma utilização mais racional da energia.


O objetivo passa por testar modelos que permitam a criação de uma comunidade sustentável e autossuficiente em termos energéticos. O Netefficity pretende contribuir para a redução da fatura da eletricidade, aumentar a autonomia energética e diminuir as emissões de dióxido de carbono. Um projeto demonstrador que se enquadra na estratégia municipal neste campo.
Este projeto é cofinanciado pelo Programa Operacional Competitividade, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER e resulta da conjugação da experiência e dos conhecimentos sobre eficiência energética da Virtual Power Solutions, líder do consórcio, juntamente com o conhecimento científico do grupo de investigação GECAD do ISEP e com a experiência da Energia Simples. Nesta fase inicial vai funcionar em dois municípios portugueses, Alfândega da Fé e Penela.

  • logotipo sgs
  • logotipo compete
  • wiremaze logotipo

imagem